Sem categoria

Construção Civil inicia processo de crescimento no Maranhão

Anúncios

O nível de atividade do setor da Construção Civil encerrou o ano de 2019 em recuperação, evoluindo 7,2 pontos. Foi o que revelou a Sondagem da Indústria da Construção do Maranhão, realizada de 3 a 17 de janeiro de 2020, pela Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (FIEMA). Ainda assim, o resultado manteve-se abaixo da média satisfatória de 50 pontos. O cenário insuficiente também foi registrado a nível nacional (45,8) e regional (43,7).

O indicador relacionado ao número de empregados sofreu redução de 4,1 pontos e registrou abaixo dos 50 pontos. Do mesmo modo ocorreu para o indicador nível de atividade, que apesar do aumento de 3,6 pontos, continuou abaixo dos 50 pontos. Em contrapartida, a Utilização da Capacidade Operacional (UCO) aumentou em 12 pontos e registrou 57 pontos, a segunda melhor marca do ano.

Quando analisado por setor, a pesquisa da FIEMA indicou que as empresas de pequeno porte foram as que mais sofreram variação nos indicadores. O nível de atividade efetivo decaiu 25 pontos e totalizou 50 pontos. Já a utilização da capacidade operacional aumentou em 10 pontos e finalizou em 85. Para as empresas de médio e grande porte, a evolução do nível de atividade aumentou 10,1 pontos, mas mesmo assim continuou abaixo do nível dos 50 pontos; entretanto, a utilização da capacidade operacional evoluiu 12 pontos e registrou 53 pontos.

OTIMISMO – As perspectivas para os próximos seis meses são melhores. As expectativas para o nível de atividade, número de empregados e novos empreendimentos registraram 63 pontos. O indicador compra de insumos e matéria-prima foi o que mais pontuou, com 64,6 pontos (+14,6). Dessa forma, 2019 encerrou com o otimismo em alta para o ano de 2020.

A facilidade de obter crédito no Maranhão aumentou para as empresas da construção, mas permanece abaixo dos 50 pontos. Já a satisfação com a margem de lucro permanece similar ao terceiro trimestre de 2019. O setor ainda se mostra reticente quanto às mudanças.

A Sondagem da Construção Civil é elaborada mensalmente pela FIEMA em parceria com a Confederação Nacional da Indústria (CNI). Participaram da pesquisa empresas da Construção Civil do Maranhão de pequeno porte, médio e grande porte.

Categorias:Sem categoria

Deixe uma resposta