Cidades

Campanha de vacinação já imunizou mais de 94% dos idosos em SL

Anúncios

A primeira etapa da campanha de vacinação contra a gripe (Influenza A/H1N1) que tem como um dos grupos de risco idosos a partir dos 60 anos imunizou, até o momento, 94,93% deste público-alvo em São Luís. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde (Semus), 75.824 doses foram aplicadas até a última terça-feira (7).

Ainda restam menos de 4 mil idosos para serem vacinados até o próximo dia 16, quando encerra a etapa de imunização para esse público específico, para crianças maiores de seis meses e menores de seis anos e profissionais da área de saúde; e inicia-se para outro grupo.

A Prefeitura continua imunizando idosos, a partir de 60 anos; crianças de 6 meses a menores de 6 anos; e profissionais de saúde, exclusivamente, até o próximo dia 16. Na atual etapa, o município está ofertando a dose contra o H1N1 para pessoas do público-alvo que tenham nomes com iniciais de E a J. Este cronograma valerá esta quinta-feira (9) quando serão vacinados aqueles com nome iniciado com a letra J. Nesta quinta-feira (9) também acontece, das 9h às 12, vacinação voltada para caminhoneiros. Para este público o local de vacinação será o Posto Paizão, próximo à entrada da Vila Maranhão.

O público idoso que deve receber a vacina é formado por 79.874 pessoas. Para atingir a cobertura estipulada (90% do público-alvo) pelo Governo Federal, responsável por organizar a campanha e distribuir as doses para os estados e municípios, a Prefeitura de São Luís adotou medidas como a vacinação em domicílio – para idosos acamados e com baixa mobilidade; e o sistema drive thru – onde os idosos podem se dirigir até a área de provas do Detran, no Complexo Castelinho, sem precisar sair do carro. Além disso, a Prefeitura, por meio da Semus, também decidiu organizar a vacinação por ordem alfabética – estratégia que possibilitou maior controle do público nos postos montados especialmente para a vacinação e que evitou aglomeração de pessoas, diminuídos o risco de contaminação pelo novo coronavírus (Covid-19)…

*Fonte:PortalGuará

Anúncios

Categorias:Cidades, Saúde, slider

Deixe uma resposta