Saúde

MA contabiliza 344 casos positivos de COVID-19 e 54 pessoas recuperadas

Anúncios

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) contabilizava até às 18h desta sexta-feira (10) mais 51 casos positivos por laboratório de COVID-19 no Maranhão. De acordo com os dados, subiu para 344 o número de casos positivos, sendo 21 óbitos. A SES registra, ainda, 54 pessoas recuperadas. Até o momento, 2.352 testes laboratoriais para Covid-19 foram realizados.

Atualmente, 16 municípios têm casos confirmados de Covid-19 no Maranhão. São eles: São Luis (288), São José de Ribamar (23), lmperatriz (05), Açailândia (01), Timon (02), Santa Inês (01), São Benedito do Rio Preto (01), Raposa (2), Urbanos Santos (01), Cajapió (01), Colinas (01), Paço do Lumiar (14), Cantanhede (01), Chapadinha (01), Viana (01) e Cachoeira Grande (01). A SES confirmou mais cinco óbitos. Trata-se de mulher, de 34 anos, homem de 88 anos, mulher, de 54 anos, homem, de 57 anos e mulher, de 87 anos. Todos residentes em São Luis.

Neste momento, a SES registra 21 mortes, sendo 19 em São Luis e 02 em Paço do Lumiar. A faixa etária com maior número de casos registrados é a de 30 a 39 anos com 101 casos. Em segundo lugar, a faixa etária entre 40 a 49 anos com 88 casos positivos registrados. Quarenta e cinco casos foram registrados entre pessoas da faixa etária de 50 a 59 anos. Em função da retificação de dados, a SES informa que foi aplicada a correção de endereço de três casos positivos, anteriormente registrados em São Luis, foram notificados em lmperatriz, Cachoeira Grande e São José de Ribamar.

A Secretaria de Saúde do Estado espera que já na semana que vem novos respiradores cheguem ao Maranhão. O equipamento é fundamental no tratamento a casos graves da Covid-19.

Hoje o governo do estado estima que seria possível atender até 1.000 pacientes ao mesmo tempo com o novo coronavírus. Se o número de doentes ultrapassar essa faixa, o sistema de saúde no estado poderá colapsar. Por isso a importância de seguir as recomendações das autoridades de saúde e manter o isolamento social.

*Fonte:Ma10

Categorias:Saúde, slider

Deixe uma resposta