Cultura e Entretenimento

Dia do Orgulho Nerd: 7 filmes para comemorar bem a data

Anúncios

Constante vítima de desprezo e bullying, o nerd percorreu um longo caminho até esta segunda-feira, 25 de maio, na qual se comemora o Dia do Orgulho Nerd. A gíria, que abrange pessoas ou grupo de pessoas, é atribuído à quem vive buscando o conhecimento e gosta de atividades ou obras que poucos gostam, sendo, muitas vezes, excluído devido a isso.

A escolha da data foi mais do que simbólica: em 25 de maio de 1977, há 43 anos, estreava Star Wars Episódio IV – Uma Nova Esperança, o primeiro filme da franquia mais nerd do mundo. No entanto, este mesmo dia é conhecido também como O Dia da Toalha, em homenagem a Douglas Adams, autor da série O Guia do Mochileiro das Galáxias, outro cânone da cultura nerd, que descreve o objeto como um elemento fundamental de qualquer mochileiro espacial.

Para não deixar a data passar em branco, o Cineinsite A TARDE preparou uma lista de filmes que fazem parte da cultura nerd. Caso você se identifique com uma ou mais destas obras, não se preocupe. No fim, todo mundo é um pouquinho nerd. O importante mesmo é ter orgulho. Confira:

**Star Wars: Episódio IV – Uma Nova Esperança (1977)**

Sinopse: A princesa Leia é mantida refém pelas forças imperiais comandadas por Darth Vader. Luke Skywalker e o capitão Han Solo precisam libertá-la e restaurar a liberdade e a justiça na galáxia.

Por que assistir? Para iniciar a nossa lista, nada mais justo do que trazer uma das obras responsáveis pela data. Star Wars: Episódio IV – Uma Nova Esperança apresenta o famoso universo de George Lucas, introduzindo Luke, Han, Leia, Darth Vader entre outros personagens icônicos, trazendo muito humor e ação na bagagem.

O amor pelas aventuras espaciais, de fato, é uma das marcas registradas do nerd. Das criaturas alienígenas à saudação vulcana de Spock, passando pelos vários dialetos criados nos universos fictícios, não tem quem resista a uma boa briga no espaço, onde a inteligência geralmente é a chave para sair dos problemas.

Neste tópico, cabe ainda menção honrosa ao filme Guia do Mochileiro das Galáxias (2005), cuja versão cinematográfica pode não ter sido tão boa, mas vale a pena assistir pela outra comemoração nerd, que é o Dia da Toalha.

Onde assistir: Amazon Prime Video ou por aluguel no YouTube e Google Play Filmes.

Nesta mesma linha: Star trek (1966) e Alien, o Oitavo Passageiro (1979).

*Homem Aranha (2002)*

Sinopse: Depois de ser picado por uma aranha geneticamente modificada em uma demonstração científica, o jovem nerd Peter Parker ganha superpoderes. Inicialmente, ele pretende usá-los para para ganhar dinheiro, porém, ao presenciar o assassinato de seu tio Ben e se sentir culpado, Peter decide não mais usar seus poderes para proveito próprio e sim para enfrentar o mal.

Por que assistir? Não dá para pensar no nerd sem lembrar de outra das suas maiores paixões: os super-heróis. E nessa linha, um dos seus maiores expoentes é, sem dúvida alguma, o homem-aranha, um legítimo nerd que ama ciências, sofre bullying e acaba ganhando superpoderes para combater o crime em Nova York.

Apesar do cabeça de teia ter passado por diferentes intérpretes e aventuras no cinema, o aracnídeo da primeira adaptação de 2002 é o legítimo representante da cultura nerd. A atuação de Tobey Maguire e o roteiro do longa são bastante fiéis aos quadrinhos, entregando um homem-aranha ‘gente como a gente’ e que se guia pelo conhecimento para lidar com os vilões.

Além disso, Homem-Aranha, junto com X-Men (2000), foi um dos responsáveis por ressuscitar o hype das obras de super-heróis no cinema – que, até então, havia esfriado desde o Superman de 1978 – e abrir espaço para a ascensão da Marvel, no território que era basicamente da sua rival, a DC.

Ainda nesta importante parte do coração nerd que são os quadrinhos, está Scott Pilgrim Contra o Mundo, outro longa competente ao reproduzir elementos da estética. A obra recebeu ótimas avaliações da crítica e também foi um catalisador do “nerdismo”, repleto de referências à cultura.

Onde assistir: Telecine Play, Netflix, ou por aluguel no YouTube e Google Play Filmes.

Nesta linha: Todo o universo cinematográfico da DC e da Marvel e Scott Pilgrim Contra o Mundo (2010).

*Matrix (1999)*

Sinopse: Um jovem programador é atormentado por estranhos pesadelos nos quais sempre está conectado por cabos a um imenso sistema de computadores do futuro. À medida que o sonho se repete, ele começa a levantar dúvidas sobre a realidade. E quando encontra os misteriosos Morpheus e Trinity, ele descobre que é vítima do Matrix, um sistema inteligente e artificial que manipula a mente das pessoas e cria a ilusão de um mundo real enquanto usa os cérebros e corpos dos indivíduos para produzir energia.

Por que assistir? A tecnologia é um outro pilar bastante conhecido da cultura nerd. Dentro desta temática está Matrix, filme tido com uma das maiores referências em ficção científica e efeitos especiais. Para além da ação, a história faz uma reflexão complexa sobre a natureza humana e os limites da realidade. Vivido por Keanu Reeves, o programador Neo marcou uma jovem geração de cinéfilos nerds.

Onde assistir: Telecine Play ou por aluguel no Google Play Filmes.

Nesta linha: Tron: O legado (2010) e Ghost in Shell (2017).

*De Volta Para o Futuro (1985)*

Sinopse: Marty McFly, um adolescente de uma pequena cidade californiana, é transportado para a década de 1950 quando a experiência do excêntrico cientista Doc Brown dá errado. Viajando no tempo em um carro modificado, Marty conhece versões jovens de seus pais e precisa fazer com que eles se apaixonem, ou então ele deixará de existir.

Por que assistir? Na linha da ficção científica, o que não falta são as narrativas envolvendo viagem no tempo. De Volta Para o Futuro apresenta Marty Mcfly, o típico nerd dos anos 80 que adorava jogar videogame e ouvir um rock pesado. Sonhada pela humanidade, a possibilidade de viajar no tempo vista no filme consagrou o longa como referência em filmes do mesmo assunto.

Onde assistir: Amazon Prime Video e Telecine Play ou por aluguel no YouTube e Google Play Filmes.

Nesta linha: Bill & Ted (1989) e O homem do futuro (2011).

*A viagem de Chihiro (2001)*

Sinopse: Chihiro e seus pais estão se mudando para uma cidade diferente. A caminho da nova casa, o pai decide pegar um atalho. Eles se deparam com uma mesa repleta de comida, embora ninguém esteja por perto. Chihiro sente o perigo, mas seus pais começam a comer. Quando anoitece, eles se transformam em porcos. Agora, apenas Chihiro pode salvá-los.

Por que assistir? A cultura nerd e o apreço por mangás e animes estão totalmente ligados, então, clássicos como A Viagem de Chihiro não podem faltar. O universo das obras japonesas é sempre aclamado pela beleza, excentricidade e roteiro que brinca com a imaginação e a criatividade.

Para quem está iniciando no mundo das animações japonesas, uma dica é dar uma conferida nos filmes do Studio Ghibli que estão disponíveis no catálogo da Netflix. De autoria do estúdio, A Viagem de Chihiro foi o primeiro longa desenhado a mão, que não tem o inglês como língua original a vencer o Oscar de Melhor Filme de Animação em 2003.

Onde assistir: Netflix.

Nesta linha: O Castelo Animado (2004) e Akira (1991).

**O Senhor dos Anéis: A Sociedade do Anel (2001)**

Sinopse: Em uma terra fantástica e única, um hobbit recebe de presente de seu tio um anel mágico e maligno que precisa ser destruído antes que caia nas mãos do mal. Para isso, o hobbit Frodo tem um caminho árduo pela frente, onde encontra perigo, medo e seres bizarros. Ao seu lado para o cumprimento desta jornada, ele aos poucos pode contar com outros hobbits, um elfo, um anão, dois humanos e um mago, totalizando nove pessoas que formam a Sociedade do Anel.

Por que assistir? Baseado na obra escrita pelo sul-africano J.R.R. Tolkien, o filme de Peter Jackson é uma das trilogias cinematográficas mais celebradas de todos os tempos, responsável por trazer inúmeros novos fãs para a cultura nerd e, consequentemente, para os entusiastas de jogos de RPG, cuja premissa se desenvolve a partir da interpretação de papéis.

E quando se fala em jogos, não podemos esquecer também dos videogames, outra paixão do nerd. Resident Evil – O Hóspede Maldito (2002) e Mortal Kombat (1995) são alguns que já pularam dos consoles de videogame para as telonas dos cinemas.

Onde assistir: Netflix, Amazon Prime Video, Telecine Play ou por aluguel no YouTube e Google Play Filmes.

Nesta linha: Warcraft – O Primeiro Encontro de Dois Mundos (2016) e Assassin’s Creed (2016).

*Clube dos cinco (1985)*

Sinopse: Cinco adolescentes do ensino médio cometem pequenos delitos na escola e, como punição, têm que passar o sábado no colégio e escrever uma redação contando o que pensam de si mesmos. O grupo reúne jovens com perfis completamente diferentes: o popular, a patricinha, a esquisita, o nerd e o rebelde.

Por que assistir? Como nem só de ficção científica, magia e super-herói vive o nerd, para encerrar a lista, é preciso citar alguns filmes que trazem nerds enfrentando dificuldades da vida real. Vítima de bullying, Brian do Clube dos Cinco era o mais inteligente da turma heterogênea que passou um dia inteiro na detenção. Por ser também o mais sensível, coube a ele escrever a icônica redação que pedia mais respeito e quebrava a visão do grupo como estereótipos e não indivíduos.

Onde assistir: Netflix e Telecine Play ou por aluguel no YouTube e Google Play Filmes.

Nesta mesma linha: Em termos de série, vemos nerds da vida real em The Big Bang Theory, que conquistou diversos prêmios pela abordagem, e na personagem Lisa Simpson da animação Os Simpsons, que precisa lidar com a constante valorização da estupidez ao invés do conhecimento.

E… Depois de assistir todos esses filmes maravilhosos, você pode assistir também

** Jogador Número 1** de Steven Spielberg.

** A Saga O Hobbit ** de J. R. R. Tolkien.

Deixe uma resposta