Últimas Notícias

Mais um jogador do Sampaio Corrêa é diagnosticado com Covid-19

Anúncios

Os casos de testagem positiva da Covid-19 continuam ocorrendo no futebol maranhense.  No fim da tarde da última terça-feira (25),  mais um atleta do Sampaio Corrêa foi diagnosticado com a doença. Seu nome, no entanto, não foi revelado à imprensa. No Imperatriz, o volante Carlão, que atuou contra o São José, na segunda fase do Campeonato Maranhense, está em  recuperação.

O zagueiro Xandão, já recuperado, foi incluído na delegação que viaja amanhã para Recife onde o time vai enfrentar o Santa Cruz-PE, pela Série C do Brasileiro.

Segundo a assessoria de Comunicação do Sampaio, por determinação da diretoria, a partir de agora não serão divulgados os nomes das pessoas que estiverem nessa situação. Na semana passada,  o Sampaio chegou a ter 14 atletas com coronavírus, o que culminou com o adiamento da partida do último sábado diante do Brasil de Pelotas-RS. Os diagnosticados com a doença foram afastados dos treinamentos em  São Luís e Imperatriz.

O registro de  mais um caso no Sampaio ocorre no momento em que outros estão sendo liberados. Ontem, o clube divulgou  que “os jogadores André Luís, Daniel Penha, Luís Gustavo, Diego Tavares e Lucão foram liberados pela CBF para voltar aos treinos. Por que a CBF? Eles têm o controle de quem pegou a covid”, disse um dos assessores por meio de uma rede social.

Semana desafiadora

De olho no jogo contra a Ponte Preta, marcado para o próximo sábado, às 21h, no Castelão, o técnico do Sampaio Corrêa, Léo Condé reconhece que terá pela frente um jogo dos mais difíceis. O adversário, que é dirigido pelo ex-treinador do tricolor, João Brigatti, está crescendo de produção e nas últimas partidas obteve resultados animadores. Ocupa a parte de cima da tabela, em quinto lugar. O maior problema que tem no momento é a definição da equipe, apesar do retorno de alguns jogadores que estavam no Departamento Médico e outros com covid-19.  “Está sendo bastante desafiador fazer a montagem da equipe para esta partida contra a Ponte Preta, por tudo o que estamos passando, os atletas diagnosticados com covid, realmente uma semana bastante atípica mesmo, com poucos jogadores à disposição para treinar e outros retornando agora para os treinamentos”, observa o técnico Léo Condé.

Apesar dos problemas, o treinador entende precisa encarar as dificuldades buscando o resultado que interessa: a primeira vitória no Brasileiro. “Estamos tentando, na medida do possível, trabalhar bem, apesar de que, taticamente, também estamos sendo prejudicados para fazer o desenho da equipe, mas temos ser criativos para atingir nossos objetivos”, acrescentou Condé.

Além de ter que melhorar o rendimento do time que só obteve derrotas este ano na competição nacional, o Sampaio precisa armar uma estratégia para superar a Macaca. “Estamos analisando bastante a Ponte, para que a gente mande a campo uma equipe determinada e competitiva para que possamos conseguir a primeira vitória na competição”.

29 inscritos

Com relação ao número de atletas, o Sampaio tinha 27 inscritos. Chegaram mais dois reforços, elevando para 29 o total disponível até o momento. Quatorze estavam com covid, mas quatro estão sendo liberados para os treinamentos. Recuperados de lesão, o zagueiro Flávio Boaventura e o atacante Thiago Santos já passaram pelo processo de transição e devem ser opções para a partida. Os volantes Vinícius Kiss e Ferreira também estão à disposição. O zagueiro Joelson estava sendo esperado ontem e se estiver em boas condições físicas será integrado ao grupo. A expectativa é de que ele seja regularizado no BID da Confederação Brasileira de Futebol ainda hoje.

Estamos analisando bastante a Ponte, para que a gente mande a campo uma equipe determinada e competitiva

Fonte: O Imparcial

Deixe uma resposta