Política

Roberto Costa “detona” Simplício Araújo

Anúncios

O deputado estadual Roberto Costa (MDB), na Tribuna da Assembleia Legislativa, não poupou palavras para criticar duramente o atual secretário de Indústria e Comércio do Maranhão, Simplício Araújo.

Roberto Costa demonstrou descontentamento com a postura de desrespeito de Simplício Araújo para com a Assembleia Legislativa. Ainda no mês de maio, o parlamentar conseguiu aprovar um Requerimento solicitando que a Secretaria de Indústria e Comércio “apresentasse cópias dos processos de contratação, pagamento e execução, referente a processos envolvendo duas empresas, com a finalidade de apurar eventual desvio de recursos públicos”.

O Requerimento foi apresentado após denúncias na imprensa contra as empresas Jackson Pereira Leite e da AGIL Construções e Serviços LTDA. A denúncia é que a contratação teria sido feita através do subsecretário da pasta, Expedito Rodrigues Junior, que é candidato à Prefeitura de Bacabal. Só que na denúncia, as empresas seriam de fachadas e estariam sendo usadas para desviar recursos públicos, oriundos do Fundo Estadual de Desenvolvimento Industrial do Maranhão.

No entanto, até agora, segundo a reclamação de Roberto Costa, Simplício Araújo não se “deu o trabalho” de responder o parlamento estadual do Maranhão.

“Pedimos informações ao secretário de Indústria e Comércio, o senhor Simplício Araújo, a respeito de duas empresas que receberam, até fevereiro deste ano, em dois meses, quase 7 milhões de reais. Inclusive empresas da cidade de Bacabal, que só apresentou a nota fiscal dos serviços, serviços de manutenções no distrito industrial de Caxias, no distrito industrial de Timon, aeroportos, e não foi feito absolutamente nada”, criticou.

Roberto Costa aumentou o tom, lamentou o desrespeito de Simplício com a Assembleia Legislativa e afirmou que o secretário montou um esquema eleitoreiro.

“Simplício Araújo, que já é conhecido pelo Maranhão todo como um cidadão que vive de fazer intrigas em todos os municípios em que ele passa, além disso, é conhecido como Seca Pimenteira, porque, por onde ele passa, por onde ele encosta nos candidatos, ele afunda os candidatos, e esse esquema que ele montou na Secretaria de Indústria e Comércio, que teve a participação inclusive de um funcionário dele, chamado Seu Expedito, que inclusive é candidato a prefeito, lá na cidade de Bacabal, conseguiu gastar, em apenas dois meses, quase 7 milhões de reais, e até agora nada foi apresentado. Pior foi que disse que não se negaria a mandar as informações para a Assembleia, mas não foi assim”, destacou.

O deputado finalizou dizendo que irá representar oficialmente Simplício Araújo no Ministério Público, através da Procuradoria da AL, pelo desrespeito. Roberto Costa ainda deixou claro que abordará o assunto toda semana, até que o secretário de Indústria e Comércio faça os esclarecimentos pedidos.

*Fonte:BlogdoJorgeAragão

%%footer%%

Categorias:Política, slider

Deixe uma resposta