Política

Campanha com aglomerações e conivência das autoridades

Anúncios

O domingo (27) foi marcado pelo início da campanha eleitoral e, infelizmente, o que se viu em muitos locais, mais uma vez, foram aglomerações e desrespeito as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) no enfrentamento a Covid-19.

As cenas, já vistas durante algumas convenções partidárias, foram repetidas e não apenas no interior do estado, mas também na própria capital maranhense.

Alguns candidatos fizeram questão de realizar caminhadas e promover, desnecessariamente, aglomerações, desrespeitaremos a recomendação do distanciamento social.

Pior é que para mostrarem força, as caminhadas geralmente são realizadas em ruas estritas, para aglomerar mais e passar a impressão de mais pessoas no evento.

E domingo foi apenas o início da campanha eleitoral que deve durar 45 dias.

No entanto, o mais grave é que tudo está sendo acompanhado, sem nenhuma interferência, pela Justiça Eleitoral, pelo Ministério Público e pelo Governo Flávio Dino, outrora vigilante, mas que decidiu “lavar as mãos” para os abusos cometidos na política, mas ainda segue impedindo outros segmentos de voltarem a funcionar normalmente.

As autoridades só não vão poder reclamar e lamentar se por ventura tivermos um aumento de casos da doença, afinal estão sendo coniventes com os abusos cometidos.

Pelo visto, com a chegada das eleições, a Covid-19 acabou no Maranhão.

*Fonte:BlogdoJorgeAragão

%%footer%%

Categorias:Política, Saúde, slider

Deixe uma resposta