Esportes

Atleta paralímpico realiza expedição de kitesurf em lugares inexplorados nos Lençóis

Anúncios

Impedido de treinar e participar de competições na neve em razão da pandemia do Coronavírus, o snowboarder Andre Cintra, que representou o Brasil nas duas últimas edições dos Jogos Paralímpicos de Inverno, na Rússia e na Coréia do Sul, respectivamente, está em busca de novas aventuras.

Ao lado de dois amigos, o atleta agora irá participar de uma expedição de kitesurf em uma região exótica do Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, de hoje (15) a domingo (18). Serão quatro dias de aventuras inéditas em áreas remotas, envolvendo a população local.

“Eu amo ter esse tipo de experiência nova em lugares tão pouco conhecidos do Brasil. Além de praticar o esporte que eu adoro e desvendar novas possibilidades dentro da modalidade, é maravilhoso ter essa experiência de vivência com as pessoas das comunidades por onde iremos passar ao longo da expedição”, destaca Andre Cintra.

Multidisciplinar e considerado um dos atletas paralímpicos mais radicais do país, Andre Cintra quer superar seus próprios limites a cada desafio e também promover ações sociais e ambientais em suas viagens e expedições pelo país.

“O Brasil tem uma cultura muito rica. É incrível conhecer os povos nas regiões mais distantes das capitais, entender como eles vivem, no que acreditam. É sempre um aprendizado e uma troca muito grande pra mim. Procuro sempre levar algo de bom a essas pessoas e essas regiões por onde passo”, comenta o atleta.

Andre Cintra, Peter Michael Gottschalk e o filmaker Andre Penna iniciarão a expedição pelas áreas menos exploradas do Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses nessa quinta-feira (15). “Será demais deslizar pela areia com o kite, como se fosse sandboard, pelas águas rasas e cristalinas das lagoas e pelos longos rios da região”.

*Fonte:Ma10

%%footer%%

Categorias:Esportes, slider

Deixe uma resposta