Polícia

Operação Buriticupu II queima mais de 17 mil pés de maconha e apreende 24 kg

Anúncios

O Serviço de Inteligência da Polícia Militar do Maranhão (PMMA) estava monitorando um grupo de criminosos que atuavam na plantação de maconha na região da Vila Pindaré em Buriticupu, a 310 quilômetros da capital maranhense.

Com todas as informações levantadas e mapeamento realizado, o Comandante do 30° BPM major Anderson, planejou uma operação para desarticular esse esquema ilícito. A tropa empregada na missão era composta pelos Grupo de Operações Especiais (GOE), Rádio Patrulha, Força Tática e Esquadrão Águia, durante a operação estima-se que foram cortados e queimados mais de 17 mil pés da droga e apreendidos 05 sacos de estopa com, aproximadamente, 24kg da droga pronta para o consumo.

A equipe da força tarefa foi recebida a tiros e foi necessário o confronto, sendo que os agressores conseguiram escapar entrando no matagal.

Dentro da “roça” havia um acampamento, que era utilizadas pelos suspeitos que faziam o plantio, colheita e beneficiamento da droga, no local havia ainda uma prensa artesanal utilizada para empacotamento da maconha, adubo e veneno que usavam no manejo da plantação.

A ação faz parte do módulo de Combate ao Narcotráfico, inserido na fase II da Operação Buriti Seguro, sendo que na fase I foram erradicados 10 mil pés de maconha.

As Operações estão sendo realizadas na região da Vila Pindaré conhecida como “Presa de Porco”, onde constantemente ocorrem denúncias sobre plantações e escoamento de drogas, especialmente por vicinais e pela Estrada de Ferro Carajás

*Fonte:Ma10

%%footer%%

Categorias:Polícia

Deixe uma resposta