Projetos

Estudantes maranhenses se destacam no Projeto Desafio Criativos da Escola 2020

Anúncios

Um grupo de estudantes do Centro de Ensino Antônio Sirley de Arruda Lima, localizado no município de Formosa da Serra Negra, se destacou em duas etapas no Desafio Criativos da Escola 2020 e ainda concorrem à última etapa do Projeto. O Desafio deste ano foi uma jornada de missões organizadas em três etapas independentes: Fagulha, Chama e Premiação.

Na edição deste ano, a competição selecionará 50 planos de ação criados por grupos de crianças e adolescentes e escolherá os projetos mais estruturados e que evidenciem a empatia, a criatividade, o protagonismo e a colaboração dos estudantes. Na edição passada foram selecionadas 10 iniciativas em andamento ou finalizadas pelos estudantes

A competição iniciou com a etapa Fagulha, composta de quatro missões que os estudantes cumpriram, individualmente, inscrevendo suas produções na área do site do Criativos da Escola. Cerca de 100 estudantes do CE Antônio Sirley de Arruda Lima participaram dessa etapa, com destaque para o vídeo da aluna Sabrina Brito Martins, que ficou entre os 12 mais curtidos do Brasil. A estudante ganhou uma live com o influencer Vítor di Castro e recebeu um kit de livros pelo seu trabalho.

Na etapa Chama, que é coletiva, teve seis missões que deram subsídios para que os estudantes construíssem um plano de ação para transformar suas realidades. Nessa etapa, a escola teve 10 grupos premiados, composto por 31 estudantes, que ganharam uma live com a cantora MC Sofia; e dois grupos, representados por sete estudantes, receberão kits com jogos e histórias em quadrinhos. A terceira etapa é a Premiação dos planos de ação, que será realizada no dia 10 de dezembro. Nessa fase, o CE Antônio Sirley de Arruda Lima está concorrendo com 10 projetos, envolvendo 31 estudantes.

“Estamos participando do Criativos da Escola e o nosso projeto tem como intuito uma associação entre os talentos de nossa terra com a cultura local. Esperamos que vocês possam apoiar o nosso projeto e que a comunidade em geral possa dar todo o suporte necessário”, declarou Bianca da Silva Brito Ribeiro, 17 anos, estudante do CE Antônio Sirley de Arruda Lima.

A professora Luísa Neta destacou a importância do Projeto para os estudantes maranhenses. “O Projeto Criativos da Escola é uma produção nacional e os nossos alunos já foram contemplados nas fases 1 e 2 e, ainda, estamos no páreo da fase 3. É uma experiência maravilhosa participar desse projeto e não importa se a gente não vai ganhar a premiação final, o importante é que nós participamos e que temos 10 projetos em andamento em nossa escola. Valeu a pena, foi muito bom”, expressou.

Pilares centrais

Os pilares centrais do ‘Criativos da Escola’ são o protagonismo, a empatia, a criatividade e o trabalho em equipe, que buscam envolver e estimular educandos e educadores de diferentes áreas no engajamento e na atuação em suas comunidades. Participam do Projeto estudantes do Ensino Fundamental I e II e Ensino Médio de escolas públicas, privadas, organizações não governamentais, coletivos, movimentos, associações comunitárias, entre outros, de todos os municípios do país. Os estudantes participantes devem ter até 21 anos de idade.

O Criativos da Escola não realizará neste ano a viagem de premiação, devido à pandemia da COVID-19. Como alternativa, os estudantes poderão ser reconhecidos a partir das missões realizadas nas etapas Fagulha e Chama. Os educadores ou adultos responsáveis pelos grupos selecionados receberão R$ 2 mil, que deverão ser destinados a apoiar os estudantes na implementação de seus planos de ação.

%%footer%%

Categorias:Projetos

Deixe uma resposta