Anúncios

Faleceu, na manhã desta quarta-feira, 26, em São Luís, o desembargador aposentado Arthur Almada Lima, aos 92 anos. Ele sofria de problemas cardiorrespiratórios.

O corpo do desembargador será cremado, conforme era a sua vontade. As cinzas, também atendendo seu pedido, serão lançadas no Morro do Araim, próximo à BR-316. A data ainda será confirmada.

Arthur Almada Lima nasceu em Caxias (MA) em 17 de outubro de 1929. Além de desembargador, ele também foi educador, escritor, pesquisador da História e Cultura caxienses, fundador e presidente do Instituto Histórico e Geográfico de Caxias.

Deixa cinco filhos e nove netos; além da viúva, a professora da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), Antônia Miramar Alves Silva.

%%footer%%