Um homem, que não teve a sua identidade revelada, foi preso nessa quarta-feira (19) em Imperatriz, a 626 km de São Luís, suspeito de estuprar a sua própria filha, uma adolescente de 12 anos.

Segundo a Polícia Civil de Imperatriz, além do crime de estupro de vulnerável, ele ainda tinha um mandado de prisão por posse ilegal de arma de fogo. Ele foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Imperatriz, onde vai ficar à disposição da Justiça.

Estupro de Vulnerável

O estupro de vulnerável é a conjunção carnal ou qualquer ato libidinoso com menores de 14 anos, com ou sem consentimento; pessoas que, por enfermidade ou deficiência mental, não possuem o discernimento necessário para a prática do ato, bem como, por qualquer outra razão, não possa oferecer resistência. Quem cometer o crime pode ter pena de reclusão de oito a 15 anos.

Informações: G1 Maranhão