Após determinação do Tribunal Regional do Trabalho (TRT), os ônibus voltaram a circular em São Luís na tarde deste sábado (19).

Na sexta-feira (18), a justiça determinou que a Prefeitura de São Luís providenciasse, em até 48 horas, o regular funcionamento dos serviços de transporte público na capital.

Também foi determinado, pela desembargadora Solange de Castro, a prisão de 15 dirigentes sindicais dos rodoviários.