O Centro de Testagem para Covid-19, do Governo do Estado, segue funcionando no Hospital Genésio Rego, na Vila Palmeira, em São Luís, e ampliou o atendimento para testagem. A partir desta quarta-feira (22), a testagem está disponível para o público em geral que apresente sintomas há mais de três dias. Antes, a testagem no local estava liberada somente para profissionais da saúde, profissionais da segurança, profissionais da educação, pessoas com doenças crônicas, idosos (60+) e pessoas com deficiência.   

O serviço funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h. Os testes precisam ser agendados pelo aplicativo do Procon-MA, acessando o site do Procon ou pelo Disque Saúde (3190-9091). Na modalidade virtual, o usuário deve aguardar confirmação sobre dia/horário do agendamento por e-mail, antes de se deslocar para o Centro de Testagem.  

Desde 2020, o Centro de Testagem é uma das estratégias implantadas pela Secretaria de Estado da Saúde para a vigilância dos casos da Covid-19.

“O serviço está ativo há mais de dois anos e se mantém como um importante termômetro para identificar o aumento ou redução dos casos. No momento, o Maranhão se mantém com uma média móvel de 115 novos casos e nenhum óbito. O índice de internação continua baixo, mas para continuar com esse resultado precisamos identificar os casos, tratar e evitar o aumento no contágio. Os grupos de risco devem manter os cuidados e todos devem se vacinar com todas as doses”, recomendou o secretário da pasta, Tiago Fernandes.

O Centro de Testagem é administrado pela Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (Emserh) e realizou, nos últimos dois meses, mais de 1,5 mil testes. “O Centro de Testagem é um equipamento público de saúde implantando desde o início da pandemia. Esse serviço nunca parou e continua funcionando e cumprindo o seu papel, detectando e fazendo os encaminhamentos necessários para nossas unidades de saúde” destacou o presidente da Emserh, Marcello Duailibe. 

O equipamento foi inaugurado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) em março de 2020, como parte das ações do poder público estadual para ampliar a testagem para diagnóstico da Covid-19. Além da testagem, o equipamento também oferece, de acordo com a necessidade, atendimento médico e atendimento em enfermagem. 

Na rede estadual de saúde, as Unidades de Pronto Atendimento (UPAS) seguem como referência para atendimento de urgência em casos de sintomas moderados a graves.